Curiosidades

Estudo sugere que comenos menos quando usamos o celular ou outras telas durante as refeições

0

A hora da refeição é ou pelo menos deveria ser um momento sagrado. Onde  a ideia seria você concentra toda a sua atenção na alimentação. Mas sabemos que na pratica não funciona bem assim. Geralmente dividimos a nossa atenção entre a comida e a tecnologia. É bem provável que alguma vez na vida você já foi repreendido por estar usando o celular a mesa. Se não, você é a pessoa que repreende, e está certa. Mas além de ser um hábito nada saudável e até desrespeitoso, usar o celular, computador, ou assistir televisão durante as refeições pode atrapalhar o rendimento das mesmas. É isso que sugere um novo estudo que mostra que comemos menos do que o necessário quando usamos o celular na mesa.

O estudo realizado pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos apontou que a distração durante as refeições pode fazer com que as pessoas diminuam a quantidade de comida necessária ingerida. Além de afetar a memória das pessoas e a qualidade da refeição.

O estudo

Para a pesquisa, um grupo de cientistas avaliou o comportamento de 119 adultos durante uma refeição. Essa que no caso eles faziam enquanto jogavam um simples jogo de computador por 15 minutos. Segundo Carli A. Liguori, autora principal do estudo, ficou claro que os jovens comiam significativamente menos durante o jogo. Isso em comparaçao a quando usufruíam da mesma refeição sem nenhum tipo de distração.

A alimentação dos participantes foi avaliada em duas ocasiões. Uma enquanto eles jogavam o tal jogo e comiam e outra em que não havia qualquer distração. O jogo usado nessa metodologia foi o Rapid Visual Information Processing, que testa a atenção visual e a melhora de trabalho dos usuários. Inclusive, esse jogo tem sido muito utilizado por pesquisadores em avaliações de pacientes com Alzheimer ou déficit de atenção.

“É bastante simples, mas é distrativo o suficiente para que você […] tenha certeza de que não está perdendo nenhum número e está acompanhando mentalmente”, explica Liguori.

Para a avaliação, todos os participantes foram submetidos a um jejum de 10 horas antes de cada encontro. Eles foram instruídos a consumir livremente o que quiserem enquanto jogavam ou comiam em silêncio e sem distrações por 15 minutos. As refeições foram pesadas e contabilizadas, antes e depois de serem oferecidas a cada um dos participantes.

Resultado

Depois de 30 minutos de descanso, os participantes responderam a um questionário. Esse que avaliava o quanto aproveitaram a refeição, e se estavam sentido fome ou saciedade. Inicialmente, a ideia levantada por Liguori era de que quando as pessoas se distraiam com telas, elas não apenas comiam menos comida, com também teriam menos memória do que haviam consumido e desfrutavam menos a refeição.

E os resultados mostram exatamente isso. Os participantes comiam bem menos quando estavam distraídos, seja pelo computador ou qualquer outra tela. E como esperado, a memória dos participantes sobre as refeições também era menos precisa nessas ocasiões.

No fim, essas conclusões sugerem que pode haver uma considerável diferença entre comer distraído e comer focado na refeição. A alimentação distraída acontece quando nos envolvemos em qualquer atividade secundária, seja assistir televisão, usar o computador ou celular enquanto nos alimentamos.

E você, concorda com isso? Já notou isso enquanto se alimentava? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Você sabe o que é assexualidade? Entenda essa orientação sexual

Matéria anterior

7 vezes em que a censura tornou algo muito mais ofensivo

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar