Entretenimento

Pescador disputa peixe com crocodilo de 4 metros

0

Se não tivesse sido gravado, ia virar história de pescador! Na Austrália, um homem entrou em uma franca disputa com um crocodilo de 4 metros, que também queria o peixe que ele estava pescando.

A cena teve plateia e cobertura midiática de pessoas que entraram em desespero com o episódio. Para o azar do réptil, o “roubo” ficou só na tentativa. Mesmo assim, a cena ganhou internautas em todo o território australiano, famoso por seus animais encrenqueiros.

Fonte: Laura Stanley

Homem x crocodilo

No dia 21 de abril, Scott Roscarel tirou o dia para pescar nas margens do rio Chaills Crossing. No entanto, o dia não estava para peixe e o anzol do australiano foi puxado poucas vezes.

De repente, o jogo virou, e com sua experiência de pescador, Scott sabia: “esse é dos grandes”. Por conta da longa espera, o homem não queria perder esse presente por nada nesse mundo, nem mesmo se um crocodilo aparecesse almejando o mesmo que ele.

Assim aconteceu, quando um desses répteis mortais de 4 metros emergiu das profundezas para tentar almoçar o peixe que se debatia no anzol. Nesse sentido, muitas pessoas largariam a vara de pescar e sairiam correndo para o mais longe possível. Porém, não foi isso que o australiano fez, uma vez que ele continuou puxando a vara o mais forte possível na intenção de não perder a pescaria para o crocodilo.

Fonte: Ákos Helgert

Apesar de perceber que a presa fazia um movimento não natural, o predador continua sua caça na frente da plateia. A cena atingiu o ápice da tensão quando Scott quase escorregou nas pedras, durante os seus fortíssimos puxões no anzol.

Em seguida, ele conseguiu trazer o peixe para a terra firme, todavia, o crocodilo também saiu da água junto. Por sorte, o australiano já havia corrido para o mato junto com o seu prêmio, o que gerou descrença no réptil. Embora o ser humano tenha saído vitorioso, ele diz que não se orgulha do risco que correu. “Eu tive que manuseá-lo. Quando o peixe atingiu a borda da travessia, ele pulou e a linha ficou presa na frente da travessia”, conta ele ao NT News.

Vou chamar meu pai!

Outra questão que chama atenção no vídeo viral é a participação do pai de Scott na batalha interespécie. De início, ele chegou bem perto do crocodilo portando um simples pedaço de madeira. Sua intenção era fazer o bicho que estava em terra firme retornar para a água.

De certa forma, a técnica deu certo, porém, o fator determinante da desistência do crocodilo foi outro. Afinal, ele estava cansado daquele nado rápido e incerto. A prova disso é que, antes de voltar para o rio, o réptil fica por uns 5 segundo fazendo pose na margem do rio. E incrivelmente, ninguém pensa em correr mesmo estando a 5 metros de um dos animais mais perigosos do mundo. O melhor da Austrália são os australianos…

Além disso, outro ato de loucura do pai de Scott é quando o pescador deixa o chapéu cair. Em síntese, isso aconteceu por conta das pedras das margens do rio. Sendo assim, enquanto Scott brigava pelo peixe com o crocodilo, o pai do  persistente australiano queria recuperar a peça de roupa de seu filho. Por isso, ele caminhou com calma até bem perto do animal e pegou o chapéu.

De acordo com Scott, essa foi uma das decisões mais questionáveis capturadas pelo vídeo. “Eu disse a ele: ‘O que você está fazendo cara? Eu tenho 15 (chapéus) desses em casa, só tenho um pai”.

Por fim, a briga com o crocodilo rendeu ao australiano um engajamento enorme no vídeo do momento e nas replicações da gravação. Na legenda de sua rede social, ele brincou com a situação: “Pegar um peixe Barra de um metro também costuma ser difícil sem um crocodilo disputando”.

Fonte: UOL.

Ex-funcionária afirma que é impossível trabalhar com Shakira

Matéria anterior

Passageiro sem experiência de voo pousa avião após piloto passar mal

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos