Rover Curiosity enviou foto da Terra e de Vênus como nunca foram vistos antes
Tempo de leitura:2 Minutos, 35 Segundos

Rover Curiosity enviou foto da Terra e de Vênus como nunca foram vistos antes

Desde que o homem foi à lua, as expedições e explorações do espaço sempre pairaram a humanidade. Os humanos sonham em ir para Marte, praticamente desde quando o planeta foi descoberto. Mesmo com todas as expedições, ainda se sabe muito pouco sobre Marte. Ele é o segundo menor planeta do sistema solar, tendo apenas 10% da massa da Terra. O planeta também tem a montanha mais alta conhecida de todo o sistema solar.

O rover Curiosity, da NASA, tem explorado Marte desde 2012. Ele foi feito para explorar a cratera Gale no Planeta Vermelho. E seu objetivo era investigar o clima e a geologia marciana. Também avaliar se o lugar já tinha, em algum momento, tido condições favoráveis à vida microbiana. Além também de ver a influência da água no local.

Em teoria, a missão dele duraria dois anos, mas ela já dura quase oito anos. No dia cinco de agosto, de 2019, a NASA comemorou o sétimo aniversário da aterrissagem do rover em Marte. Enfrentando várias tempestades, ficando coberto de poeira, tendo um curto-circuito e passando por várias dificuldades, o rover ainda aguenta e está rodando pelo planeta vermelho. Ainda bem que a missão do rover não foi parada depois dos dois anos. Porque ele ainda está fazendo descobertas incríveis.

Imagem

E independente do planeta em que se está, sempre é bom olhar para o céu e ver o que consegue enxergar. Há pouco mais de uma semana, o Curiosity apontou sua câmera para o céu aproximadamente uma hora depois do pôr do sol no planeta vermelho. Ele conseguiu capturar duas imagens. Uma mostrando a Terra e outra mostrando Vênus.

Aqui na Terra, a equipe conseguiu juntar os dois registros feitos pelo Curiosity para fazer um panorama. O resultado fez com que todos se lembrassem que o rover está muito longe de nós.

Como é possível ver na imagem, os dois planetas são pouco visíveis. Eles são somente pequenas manchas de luz em um céu bem iluminado. Mas essa não é a vista o tempo todo.

“Mesmo estrelas moderadamente brilhantes não eram visíveis quando essa imagem de Vênus foi tirada”, disse Mark Lemmon, co-investigador da Mastcam, do Instituto de Ciências Espaciais de Boulder, Colorado.

Em Marte nessa época do ano existe uma quantidade considerável de poeira na atmosfera do planeta. Essa poeira reflete a luz do sol e faz com que o céu fique brilhante. Isso significa que as estrelas ficam muito mais difíceis de serem vistas.

Outra imagem

Em 2014, a câmera do rover tirou outra foto da Terra. Nessa imagem o céu estava bem mais escuro e também era possível ver a lua. De qualquer maneira, a poeira entra e sai de Marte. E logo ela sairá e o céu voltará a um nível de poeira melhor para que a observação das estrelas seja feita.

Mas enquanto isso, o rover Curiosity estará explorando o Monte Sharp de Marte, que é onde ele está desde 2014.

Na parte de baixo da foto é possível ver o Tower Butte. Ele é uma colina pequena que o Curiosity percorreu no final do mês passado.