Entretenimento

Veja a diferença entre figuras históricas reais e suas versões no cinema

0

É extremamente importante estudar sobre a história do mundo. Isso porque existiram diversos momentos importantes que moldaram o mundo, fazendo com que ele chegasse onde chegou. Tudo o que temos hoje foi graças a alguém ou a alguma situação do passado. É de grande importância estudar sobre história e sobre as figuras históricas que impactaram o mundo de alguma forma. Além de livros e documentos, existem ainda alguns filmes e séries que fazem parte disso, de alguma forma. Você já deve ter assistido algumas vezes as histórias do mundo, com personagens fortes, autoritários e respeitados, né? Se não, pelo menos ouviu falar sobre alguns desses filmes.

Mas, será que os diretores escolheram os atores e atrizes de acordo com a aparência deles na vida real ou apenas queriam mudar, fazer do seu jeito? Foi pensando um pouco sobre o assunto, que decidimos trazer essa matéria para você, caro leitor. Buscamos a aparência real de algumas figuras histórias e como elas são representadas no cinema. Além disso, alguns roteiros também são diferentes dos registros históricos. Confira conosco a seguir e aproveite para compartilhar com seus amigos desde já. Agora, sem mais delongas, vamos lá.

A diferença entre figuras históricas reais e suas versões no cinema

1 – Xerxes I em 300 (Rodrigo Santoro)

O retrato histórico do Rei Persa Xerxes I é muito ambíguo. Diversos historiadores dizem que ele ficou conhecido por ter uma mente fechada e fraca, além de ser extremamente arrogante e ditador, enquanto outros diziam que ele era um guerreiro sábio e experiente. No filme, o diretor decidiu misturar essas duas personalidades em um só personagem. Como se não bastasse, ele ainda ganhou um figurino um tanto questionável.

2 – Alexandre III da Macedônia (Alexandre, o Grande) em Alexander (Collin Farrell)

Alexandre, o Grande, está entre as figuras históricas mais importantes de todos os tempos. Ele também foi representado no cinema. Os críticos identificaram alguns erros sérios no filme. Além do mais, a aparência do protagonista não fez muita referência ao verdadeiro Alexandre.

3 – O Jovem Salvador Dali em Poucas Cinzas (Robert Pattinson)

Embora o ator não se pareça nada com o verdadeiro Salvador Dali, ele realmente se empenhou muito para criar a imagem do grande, excêntrico e genioso artista. Conseguiu ainda compensar a falta do bigode icônico.

4 – Rei Leônidas I em 300 (Gerard Butler)

Estudiosos afirmam que o Rei de Esparta, Leônidas I, não fez nada memorável durante os 10 anos de seu reinado. Ele só morreu de forma heroica na batalha de Thermopylae. No entanto, no filme, houve um erro histórico cometido por parte do diretor.

5 – Imperador Commodus em Gladiador (Joaquin Phoenix)

O imperador do filme não se parece nada com o verdadeiro. Além de tudo, o filme apresenta alguns deslizes, no que diz respeito a biografia de Joaquin. O verdadeiro Imperador ficou no poder de Roma por 13 anos. No filme, ele reina por apenas 2 anos.

6 – Joana D’Arc em Joana D’Arc de Luc Besson (Milla Jovorich)

Apesar da dedicação de Luc Besson aos pequenos detalhes, a aparência de Joana no filme é muito diferente da vida real.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comente então pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

Ebola volta a assolar o Congo

Matéria anterior

McDonald’s já tentou conquistar as ferrovias com seu McTrem

Próxima matéria

Você pode gostar