• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

A verdadeira causa do desastre de Titanic foi revelada

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      05/09/18 às 15h51

É só ver o nome Titanic que Rose e Jack nos vêm à cabeça. Várias histórias, memórias e tesouros afundaram junto com o navio. A história de amor eternizada por James Cameron, eternizou também o nome da embarcação homônima britânica. A causa do naufrágio, até hoje, se acreditava ser o excesso de velocidade. Na ocasião, acredita-se que o presidente da empresa dona da embarcação, Joseph Bruce Ismay, exigiu que o capitão Smith acelerasse.

Essa exigência foi feita para que além do navio ter feito manchetes por seu tamanho, também ganhasse destaque por causa de seu poder, chegando um dia antes do planejado na viagem. Apesar da possibilidade de encontrar com icebergs, o capitão concordou.

Em abril de 1912, em uma noite calma, eles foram direto ao encontro do iceberg que os afundou e não tinham como desviar por causa da sua velocidade. Essa história todo mundo já é familiarizado, mas ela não é verdade. A verdadeira história é muito mais simples.

A razão

A fatídica noite é rodeada de mitos. Um, é que toda a tripulação teve o mesmo fim que o navio, mas isso não é verdade. Por mais que a maioria das pessoas tenha tido o mesmo fim, algumas histórias valem a pena ser contadas. Charles Lightoller, o segundo oficial conseguiu sobreviver à tragédia e contou a verdade à sua esposa que queria que sua neta conhecesse aquele segredo familiar.

O jovem Lightoller não estava em serviço, e somente depois do acidente já ocorrido foi que o primeiro oficial, Murdoch, lhe contou o que tinha realmente acontecido. Quando eles viram o iceberg a ordem foi que virassem tudo a estibordo, lado direito, mas o timoneiro naquele momento crucial, fez o contrário. Então já era tarde demais para uma virada que salvasse a embarcação.

O navio foi de várias formas revolucionário, e uma de suas inovações era o seu sistema de direção. O encarregado do leme não estava acostumado com aquela forma de guiar e já estava tenso por causa disso. A situação do navio piorou quando Ismay ordenou que a navegação continuasse ao invés de esperar por ajuda.

Lightoller culpa o presidente da empresa por todo o ocorrido, mas os especialistas apontam que depois da colisão e da lacuna aberta não havia mais nada a ser feito.

Questão de honra

O grande questionamento foi porque Lightoller não contou a verdade sobre o que tinha acontecido com o Titanic logo de cara e deixou uma versão falsa se espalhar. Segundo sua neta, o marinheiro ficou preso entre dois códigos de honra: o dos patriotas e o dos marinheiros. Como se sabe, ele escolheu o dos marinheiros.

O oficial honrou seu código e felizmente não levou o segredou para o túmulo, mas também não deixou que ele vazasse enquanto ainda estava vivo. O lado positivo é que sabemos agora o que realmente aconteceu com uma das embarcações mais famosas do mundo.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+