Entretenimento

Xilogravura de Dalí estava à venda em brechó por apenas US$10

0

A maioria das obras de arte que são doadas à Hotline Pink Thrift Store, em Kitty Hawk, na Carolina do Norte, Estados Unidos, chegam  bastante empoeiradas e até em molduras quebradas. Quando se encontram em tais estados, aqueles que costumam visitar a loja, às vezes, passam direto pelas obras.

Uma das peças que chegou recentemente à tenda chamou a atenção de um um singelo consumidor. A obra da qual estamos falando era uma xilogravura de Salvador Dalí.

Dalí em brechó

“Um dia eu estava passando pela loja e me deparei com essa obra. A peça estava com um monte de outras pinturas, alinhadas no chão. Na hora eu sabia que era antiga”, explicou Wendy Hawkins.

Hawkins, nesse ínterim, decidiu seguir seu palpite. Assim que adquiriu a peça, a americana levou a pintura até a Seaside Art Gallery, em Nags Head. Ali, perguntou a Melanie Smith, curadora de arte, se a obra era de algum artista famoso.

Smith, assim que viu, percebeu o quão era de valor. “Eu queria ter certeza, por isso, pesquisei, pesquisei e pesquisei. Mesmo que por um determinado tempo eu não tenha encontrado nada, decidi pesquisar mais”, disse a profissional.

Por fim, após consultar o Catálogo Oficial das Obras Gráficas de Salvador Dalí e examinar o exemplar com uma lupa de 10 potências, Smith chegou à conclusão de que o achado era nada mais que uma xilogravura – uma impressão feita a partir de uma matriz de madeira – criada pelo surrealista espanhol Salvador Dalí.

Conforme as informações que foram disponibilizadas em uma reportagem publicada pelo portal de notícias All That is Interesting, a gravura pertence a uma série na qual Dalí trabalhou nos anos 1950, baseada no poema de 14.000 versos A Divina Comédia, do poeta italiano Dante Alighieri.

Dante

A obra, como todos sabem, conta a história da jornada de um escritor que transpassa o purgatório até chegar ao paraíso. O governo italiano alistou os talentos de Dalí em 1965 para comemorar o 700º aniversário de Dante. À data, os italianos não queriam um espanhol no projeto e o pintor acabou sendo demitido.

Ao que parece, mesmo tendo perdido a oportunidade, Dalí continuou trabalhando no projeto. O pintor produziu 100 aquarelas para combinar com o poema original. “Dante escreveu 100 versos – ou cantos diferentes – e Dalí produziu 34 pinturas do Inferno (Inferno), 33 do Purgatório e 33 do Paraíso”, explicou Smith.

O achado do brechó representa o purgatório, especificamente o Canto 32, o qual cobre o reencontro no Purgatório de Dante e Beatriz, o amor não correspondido da vida real de Dante, que morreu anos antes do escritor finalizar A Divina Comédia. A xilogravura de Dalí mostra Dante vestido de vermelho e Beatrice, ao lado, de azul.

Todas as obras de Dalí que representam A Divina Comédia foram compiladas em um livro, que foi publicado na década de 1960. Segundo a reportagem do portal de notícias All That is Interesting, algumas cópias foram vendidas individualmente ao longo dos anos. Dalí, à ocasião, assinou muitas das peças com lápis de cor – roxo para o purgatório, azul para o céu e vermelho para o inferno. Significativamente, a obra encontrada na Hotline Pink Thrift Store é assinada em roxo.

Até o momento, não se sabe quem doou a peça para o brechó. Michael Lewis, o diretor executivo da Outer Banks Hotline, que administra a Hotline Pink Thrift Store e outras quatro lojas, colocou a obra à venda por US$ 10.

Smith, após comprar a pintura, a colocou em uma nova moldura e, em seguida, a colocou à venda. Um casal de Portsmouth adquiriu a xilogravura por US$ 1.245.

Essa nave espacial da NASA ”tocou” a camada externa do sol

Matéria anterior

Crescimento populacional da China diminuiu nos últimos 67 anos

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.