• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 gatos que foram responsabilizados por crimes

POR Leticia Rocha    EM Mundo Animal      10/09/18 às 19h17

Todos nós já ouvimos, em algum momento da vida, alguém jogando a culpa de algo no cachorro, no gato e até no periquito. Acontece que algumas vezes, não é invenção. Já que existem situações em que os animais são realmente culpados por alguns delitos. Pode parecer estranho que animais tão inofensivos sejam capazes de fazer algum mal, mas às vezes acontece.

Confira agora algumas histórias bizarras e engraçadas de gatos que foram responsabilizados por crimes. Acredite se quiser, mas alguns desses bichanos podem ser perigosos. Mas em outros casos, os donos desses gatos é que, com certeza, são muito mais caras de pau do que você pode imaginar.

1 - Eletrocutando seu dono

Em 2013, Brett Nash,de 46 anos, foi preso após sua mulher entregar a polícia uma gravação de uma de suas conversas. Nas conversas o homem tentava convencer a esposa a participar de uma série de crimes. Basicamente, o homem queria sequestrar um advogado local e obrigá-lo a roubar um banco. Depois de pegarem o dinheiro, Nash pretendia matar o homem eletrocutado em uma banheira. Para se livrar da autoria do crime, ele pretendia trancar o gato no banheiro, junto com o advogado. Dessa forma, o homem acreditava que o gato seria considerado culpado por derrubar o objeto eletrônico na água, que teria eletrocutado o homem. Felizmente Nash foi preso antes de executar esse plano mirabolante e o gatinho se livrou desse baita problema.

2 - Incêndio culposo

Michael Paul Weiand, de 48 anos estava com sérios problemas financeiros e iria passar por uma auditoria pelo Departamento de Transportes. A única saída que o homem encontrou para se livrar de seus problemas se resumia em queimar todas as evidências. Então o homem elaborou um plano. Comprou uma árvore de natal, a cobriu com ornamentos e luzes das mais brilhantes possíveis e por último, adotou um gato. O homem então espalhou todos os documentos de seu comércio no chão da sala e foi para fora, esperar pelo pior. Assim que viu as chamas, ele ligou para o corpo de bombeiros e claro, culpou o animal pelo acidente. O gato aparentemente derrubou a árvore, que explodiu em chamas. Acontece que após conseguir extinguir as chamas, a polícia encontrou as evidências espalhadas pelo chão. Michael acabou sendo preso e multado pela tramoia.

3 - Cúmplice de assassinato

Em 2012, um tronco humano foi encontrado em uma praia do Reino Unido. A vítima era um homem, identificado como David Guy. No entanto, no corpo não foi identificado nenhum DNA humano. Ao invés disso, havia vários pelos de gato na cortina que envolvia o homem. O gato então foi rastreado e seu dono foi encontrado. O que aconteceu foi que o gato ficou observando enquanto seu dono, David Hilder, cometia o crime, como um cúmplice. Se o gato fosse humano, com certeza estaria preso por ter ficado parado observando a cena.

4 - Gato ladrão

Alguns gatos têm o péssimo hábito de furtar. Speedy, era um desses. O felino perambulava pela vizinhança e roubava diversos objetos, entre eles luvas de jardinagem, bolas, sutiãs. Tudo que era fácil de carregar. Os donos do gato espalharam placas pela vizinhança, informando que se caso tivessem perdido algo, provavelmente seriam uma das vítimas de Speedy. Os donos então criaram uma coleção de todos os itens roubados na garagem para que os donos pudessem ter os objetos de volta.

5 - Envolvidos em pornografia infantil?

Keith Griffin foi preso na Flórida por baixar pornografia infantil. A polícia encontrou em seu computador, mais de mil imagens baixadas em seu disco rígido. Em depoimento a polícia, o homem disse que quem havia feito isso era na verdade seu gato. Keith contou que quando chegava do trabalho, encontrava o gato com as patas no teclado e disse que as imagens simplesmente eram baixadas em seu computador, sem seu conhecimento.

6 - O gato mandante

James Anthony Shroyer foi preso após roubar um carro e um banco local. Ele foi capturado enquanto tentava fugir da polícia. Em depoimento o homem disse que o gato estava o assediando para cometer os crimes. O felino havia dado todas as ordens para que James executasse o crime. O homem então foi levado para uma avaliação psicológica (mais que necessária) e em seguida foi condenado a 2 anos e meio de prisão.

7 - Ataque ao policial

Em 1922, um gatinho de rua de Nova York adotou um açougue como sua casa. Muitas pessoas se divertiam com o animal. Ele agarrava qualquer um que tentasse pegar a carne que ele acreditava pertencer a ele. Até que um policial local foi chamado, para resolver o problema, já que naquela época não havia nenhuma outra autoridade que pudesse cuidar do problema. Quando o homem tentou pegar o gato para colocá-lo pra fora, ele mordeu o policial. O homem se zangou e atirou no animal. O caso nunca teve um julgamento justo.

Próxima Matéria
Leticia Rocha
Estudante de Jornalismo, apaixonada por pequi, vendedora de pão de mel e de tudo que colocar na minha mão!
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+