Curiosidades

A Terra está mais verde hoje do que há 20 anos, de acordo com estudo da NASA

0

Nosso planeta já tem seu longo período de existência e já passou por várias mudanças. Umas delas, que os pesquisadores consideram uma das mais drásticas, é a mudança climática. Isso vem afetando o mundo de várias maneiras diferentes e, talvez, caminhe para um ponto onde se torne cada vez mais difícil manter a nossa existência.

Essa mudança climática é causada pelo homem e suas ações com o meio ambiente. E, a longo prazo, pode representar graves consequências para a humanidade. A ação humana já acelerou de forma significativa o aquecimento global. Isso fica cada vez mais evidente com fenômenos ambientais que acontecem pelo mundo. Como por exemplo as geadas em Chicago, em 2019, e os incêndios na Austrália.

Desde grandes icebergs, que se desprenderam da Antártida, até mesmo uma possível extinção de formas de vida em nosso planeta. As mudanças climáticas são reais e afetam todos os ambientes. Seja ar, água ou a terra.

Mais verde

Por mais que tudo pareça estar indo cada vez para uma situação pior, ainda existem boas notícias relacionadas ao meio ambiente. Segundo um estudo da NASA, que foi liderado por Chi Chen, médico da Universidade de Chicago, o nosso planeta está mais verde atualmente do que há 20 anos.

Para conseguir ver esse resultado a equipe de Chen contou com a ajuda da NASA. E eles descobriram que, entre 200 e 2019, a quantidade de espaços verdes cresceu 5%. O que quer dizer um aumento de três milhões de quilômetros quadrados.

Segundo o estudo, o reflorestamento no mundo teve o seu maior aumento nas últimas décadas. Sabemos a importância que a natureza tem para a nossa sobrevivência no planeta, mesmo assim, por várias vezes acabamos esquecendo e deixando essa assunto de lado.

Mesmo que esse crescimento tenha sido notado, ainda é necessário que se faça um grande esforço em todos os países do mundo. Até porque, somente duas nações foram as que registraram um terço do aumento. Foram elas: China e Índia.

Crescimento

A equipe analisou as imagens obtidas ao longo de 20 anos e descobriu que, de maneira gradual, mais áreas com árvores foram aparecendo. Esse crescimento ultrapassava 2,3% por década.

Segundo o estudo, outros países também contribuíram com ações de reflorestamento e apresentaram um aumento em suas áreas verdes. Foram eles: as nações da União Europeia (6%), Canadá (5%), Rússia (3%), Austrália (3%), Estados Unidos (2,5%) e México (2,4%).

Em contra partida, os lugares com a maior perda de áreas verdes foram o Brasil, República Democrática do Congo e Indonésia.

De acordo com a NASA, a razão pela qual a China tem um número maior de áreas verdes é porque o governo do país promove um grande sistema de reflorestamento para amenizar a poluição. Além disso, um outro grande fator é a quantidade de território que é cedida à agricultura de autoconsumo, que representam 55% do total das áreas.

A Índia também conseguiu aumentar seus espaços verdes graças a agricultura de autoconsumo. Isso não é uma coisa de se surpreender, já que o número de pessoas que vivem no território é grande.

Conheça a história do tabernáculo que foi refúgio de 40 monges

Matéria anterior

O que aconteceu com o elenco de “Onze Homens e um Segredo”?

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.