• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Acredite ou não, você poderia ser parente de Genghis Khan

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      07/11/18 às 12h57

O líder mongol Genghis Khan é conhecido por ter tido muitos filhos com muitas mulheres diferentes. Um estudo realizado em 2003 sugere que cerca de 16 milhões de pessoas ao redor do mundo podem estar carregando o DNA do governante da Mongólia que morreu em 1227.

O estudo ainda foi capaz de reconhecer dez outros homens que deixaram um legado genético para população atual. O estudo ainda aponta fatores sociopolíticos que teriam ajudado na perpetuação de tais linhagens. O estudo foi publicado recentemente no European Journal of Human Genetics.

O legado genético de Genghis Khan

Os cientistas analisaram os cromossomos Y de cerca de 5 mil homens de 127 populações na Ásia. Foram encontradas 11 sequências do cromossomo Y compartilhadas por mais de 20 pessoas  que foram analisadas. Uma dessas sequencias pertenciam ao líder mongol e as outras dez pertenciam aos outros homens que permitiram que sua genética fosse amplamente difundida.

Uma das sequências de cromossomos Y foi atribuída a um governante da dinastia Qinq, Giocangga, do século XVI, o qual os cromossomos Y foi ligado em um outro estudo a cerca de 1,5 milhão de homens na China moderna. As demais sequências cromossômicas ainda permanecem sem um suposto originador.

Entretanto, tomando como princípio o raciocínio de que esses homens viviam nas áreas onde seu genoma era mais comumente encontrado e pelo estudo das mutações nas sequencias genéticas, sabe-se que "possivelmente elas se originaram na Ásia, do Oriente Médio ao sudeste asiático, por volta de 2100 a.C. a 700 d.C", escreveu a revista Nature News.

Circunstâncias sociais

As circunstâncias sociais que permitiram que esses homens, filhos e netos pudessem procriar tão amplamente também foram levadas em conta. Tais linhas genéticas tiveram início em épocas em que homens poderosos, sociopoliticamente falando, geravam filhos com muitas mulheres distintas.

"Os fundadores que viveram entre 2100 a.C. e 300 a.C. viviam em sociedades agrícolas e culturas nômades no Oriente Médio, na Índia, no sudeste da Ásia e na Ásia central. As datas coincidem com o surgimento de sociedades hierárquicas e autoritárias na Ásia durante a Idade do Bronze, como os babilônios. Três linhagens que datam de tempos mais recentes estavam todas ligadas a grupos nômades no nordeste da China e na Mongólia. Estas incluíam as linhagens ligadas a Genghis Khan e Giocangga, além de uma terceira linha que data de aproximadamente 850 d.C.", informou a Nature News.

São necessárias muitas outras pesquisas para poder identificar a identidade exata dos outro nove homens que originaram tais sequências cromossômicas. Mas o mais interessante é saber que alguns de nós podem carregar em seu DNA traços genéticos do grande líder mongol.

Confira o nosso vídeo sobre Genghis Khan no nosso canal:

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.




Matérias selecionadas especialmente para você

Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+