• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Essa técnica milenar de colocar ''chifres'' no corpo confundiu a internet

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      25/02/19 às 14h28

No primeiro momento você pode até achar que se trata de alguma fantasia inusitada para o Halloween, ou uma técnica nova de modificação corporal, mas na verdade se trata de um tratamento medicinal milenar para tratar de dores no corpo.

Você já deve ter visto ou ouvido falar da terapia de ventosa. Em 2016, durante as Olimpíadas do Rio, o nadador Michael Phelps apareceu na competição com várias contusões, de formato arredondado nos ombros e nas costas. Não muito tempo depois, muitos outros atletas de várias modalidades também exibiam os mesmos círculos. Foi quando todo mundo ficou intrigado para saber do que se tratava aquelas marcas, que foram atribuídas a uma técnica medicinal, feita a base de sucção na pele, e que auxilia no tratamento da dor, no tecido cicatricial profundo, nos nós musculares e também no inchaço.

A terapia de ventosa é uma antiga terapia chinesa. Hoje, normalmente se aplicam pequenos copos, geralmente de vidro ou silicone, à pele para criar uma pressão que é sugada para dentro, e que por isso deixa as marcas no corpo. Mas, antigamente, quando surgiu a técnica eram usados outros objetos que proporcionavam o mesmo efeito. Ao que parece, os curandeiros de rua na Indonésia, estão voltando à suas origens e estão utilizando chifres de búfalo para criar essa sucção, como é o caso do homem no vídeo, que aparece com 33 chifres presos as suas costas.

A técnica

Acredita-se que essa terapia por ventosa tenha se tornado popular no Ocidente não muito tempo atrás, mas que vem sendo praticada na Ásia e na África por séculos. De acordo com a literatura, essas escavações na pele datam de 1.550 a.D, e que os antigos egípcios eram bastante adeptos delas.

Hoje as pessoas que fazem uso dessa terapia, normalmente, estão acostumados a ter esferas de vidro ou plástico presos ao corpo para criar o efeito de vácuo. Mas, antigamente, quando começaram a utilizar esse método, eram usados chifres de animais vazios. Quando a técnica chegou ao Ocidente é que foi adaptada para o uso de copos de bambu e mais recentemente, os copos de vidro.

Tratamentos de beleza

Hoje em dia, existe uma enorme variedade de hacks de saúde, alguns são muito eficientes, enquanto outros se destacam pela excentricidade dos seus métodos, e eventuais consequências. Na internet, existe uma onda de tratamentos peculiares que prometem desde restauração, até rejuvenescimento e revitalização de corpo. E por incrível que pareça, muitas pessoas estão dispostas a irem muito além em nome da beleza e vaidade.

Você teria coragem de usar sangue humano em uma técnica de rejuvenescimento facial? A Kim Kardashian sim, e seus seguidores também. O nome do tratamento é Facelift de Vampiro e ele promete uma pele mais jovem rapidamente. A técnica tem atraído muitos adeptos mundo afora, inclusive no Brasil.

E fazer uma aplicação de botox a base de veneno de cobra? Eu não teria coragem, mas é outro tratamento exótico método que as celebridades têm adotado e parece que tem surtido efeitos positivos, porque elas continuam a usar.

E você, o que achou dessa técnica medicinal? Teria coragem de fazer? Conta para a gente nos comentários.

Próxima Matéria
Via   Viral Thread     Terra     Terra  
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+