Natureza

Esse lugar incrível foi destruído por seres humanos

Lugares destruídos por seres humanos
0

O planeta Terra é um lugar simplesmente incrível. Tivemos todo tipo de paisagem, clima, flora e fauna imaginável, mas, por conta da urbanização, industrialização, desmatamento e até turismo, muitos lugares já foram destruídos por seres humanos.

Pode parecer uma consequência inevitável da evolução humana, mas cientistas mostram que certas escolhas poderiam ter sido evitadas. Mas, como não foi assim que aconteceu, muitos atrativos foram danificados para além da possibilidade de reparação.

Hidrosfera

Lugares destruídos por seres humanos

Isola Spazzatura

Vamos começar por uma região bem ampla. Cientistas concordam que a vida surgiu da água, mas, apesar de saber que precisamos da água para viver, parece que estamos empenhados em destruir a hidrosfera. Além do derramamento de óleo, o lixo ainda é uma das maiores ameaças aos oceanos.

Para você ter noção do estrago, cerca de 100 mil animais marinhos morrem todos os anos por conta do lixo. Se isso não parece ser chocante o suficiente, saiba que existe tanto lixo no oceano que já é possível encontrar ilhas de lixo. Conhecido como Ilha do Plástico no Pacífico, o tamanho do lixo flutuante é tão grande que está estimado entre 700 mil e 15 milhões de quilômetros quadrados. 

Florestas

Lugares destruídos por seres humanos

Ibama

Mas, não é só a hidrosfera que vem sofrendo por ação humana. A Conservação Internacional publicou uma lista das 10 florestas mais ameaçadas do mundo. As selecionadas já perderam cerca de 90% de sua diversidade e espaço. Dentre a lista, temos as florestas de Madagascar e das ilhas do Oceano Índico; das montanhas do sudoeste chinês; das Filipinas; da Nova Zelândia e da Mata Atlântica. 

Pripyat

O próximo item da lista foi destruído de uma só vez, diferente dos citados até agora que aconteceram gradualmente. Em 1986, o desastre nuclear de Chernobyl destruiu a cidade ucraniana de Pripyat, o que marcou a humanidade para sempre. A explosão foi 400 vezes mais mortal que a bomba de Hiroshima e os efeitos foram sentidos até na Itália e na Grécia. Dessa forma, o estrago foi tanto que o lugar é famoso por ter sido destruído por seres humanos.

O impacto que esse desastre terá no meio ambiente é algo que vamos ver por muito tempo ainda, sendo que até os lençóis freáticos foram contaminados e podem levar mais de mil anos para descontaminar. Por muito tempo, não havia vida em Pripyat, mas, recentemente vem sendo possível observar mutações da flora e fauna. 

Mar de Aral

Lugares destruídos por seres humanos

Britânica.com

O Mar de Aral está situado entre o Cazaquistão e o Uzbequistão e era um dos maiores lagos do mundo. Hoje, é uma região seca. O Mar de Aral vem secando desde a década de 60, depois que seus rios foram direcionados a projetos de irrigação.

Em 2007, o Mar de Aral era só 10% da região que já tinha ocupado, deixando o comércio de pesca local desamparado. O que tem lá hoje é terra seca e cheia de sal, além de substâncias tóxicas, resultantes de testes de armas, projetos industriais e pesticidas e fertilizantes que escorreram até o mar. Sendo assim, é mais um exemplo de lugar destruído por seres humanos.

Bali

Mar poluído de Bali

AFP

Bali também já foi um local paradisíaco um dia, até que o turismo e a indústria tomaram conta do lugar. A ilha da Indonésia vem sofrendo com o fluxo de turistas nada conscientes, além de sofrer com as consequências da indústria, como desmatamento e lixo.

Além disso, outro problema sério é o sistema de produção em que fábricas estrangeiras e nacionais fazem parcerias com o governo e empresários locais sem seguir um plano de desenvolvimento sustentável. Como resultado, há a produção desenfreada de lixo e materiais tóxicos. Atualmente, a Indonésia está no nono lugar entre os países mais poluídos do mundo. 

10 curiosidades sobre o criador da Turma da Mônica

Matéria anterior

Os dinossauros mais bizarros da pré-história

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos