Entretenimento

Modelo e ativista brasileira é eleita Miss Alemanha 2022

0

A indústria da moda começou, há um tempo, a ser encarada com outros olhos. No começo, as pessoas olhavam para as modelos e viam um ideal de beleza, um exemplo a ser seguido. Por mais que algumas pessoas ainda vejam desta forma, a visão geral do assunto já começou a mudar, felizmente.  Além disso, os “padrões de beleza” também estão mudando, como podemos ver com essa modelo brasileira de Recife sendo eleita Miss Alemanha 2022.

Desde o começo da história humana, os ideais de beleza, tanto masculina quanto feminina, costumam mudar conforme o tempo passa. Os critérios de beleza foram alterados, assim como a própria ideia da existência de um estereótipo que se tornou cada vez mais relativa. Existem várias modelos, dos mais variados jeitos, corpos, etnias, quebrando vários padrões.

Modelo

G1

Assim, vemos o caso de Domitila Barros. A modelo natural da Linha do Tiro, bairro da periferia da Zona Norte do Recife, acabou de se tornar a primeira imigrante e mulher negra a ser eleita Miss Alemanha, vencendo 159 concorrentes.

A premiação aconteceu no último sábado no Europa-Park Arena, na cidade alemã Rust. A brasileira de 37 anos mora em Berlim desde 2006 e decidiu se inscrever no concurso depois de ouvir que as candidatas poderiam ser pessoas de qualquer idade e cor. Ela também se inscreveu quando soube que o foco seria nos valores que as concorrentes tinham a apresentar.

Essa mudança aconteceu ano passado quando o concurso quis se afastar dos estereótipos de objetificação das mulheres. Tanto é que a eleita Miss Alemanha 2021 foi uma mãe de 33 anos.

Concurso

G1

Por saber que os valores e princípios teriam um destaque maior, a ativista pernambucana viu uma oportunidade. Na sua vida, ainda na infância, a modelo foi convidada para representar o Brasil num encontro promovido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), nos Estados Unidos.

Nesse ínterim, desde os 13 anos ela atua como contadora de histórias na ONG criada pela mãe, o Centro de Atendimento a Meninas e Meninos (Camm). Essa ONG está funcionando há 35 anos e atende 60 crianças da periferia. No local, essas crianças têm o apoio necessário para conquistar o futuro que elas quiserem.

Ativismo

Notícia Preta

Por sua atuação na ONG, Domitila acabou se tornando garota-propaga e principal divulgadora. Portanto, além de fazer palestras para falar sobre o projeto, ela também se transformou em uma empreendedora social. Como resultado, em 2018, criou uma marca de biquínis e joias veganas que eram feitas por mulheres da comunidade da Linha do Tiro.

Esse projeto da modelo fez tanto sucesso que foi parar na Semana de Moda de Berlim. Foi aí que a carreira de Domitila como modelo começou, há mais de 10 anos. Então, ela foi para a Europa fazer mestrado em ciências políticas e sociais na faculdade alemã Freie Universität Berlin.

Mesmo estando no país há muito tempo, Domitila não pensava que sendo negra, com cabelos crespos e rosto cheio de sardas ela faria sucesso como modelo no país europeu.

Entretanto, em 2021, a modelo teve um destaque na campanha publicitária feita pelo Ministério das Relações Exteriores da Alemanha por conta do seu ativismo socioambiental. Já no ano atual, ela teve a bela surpresa de ser coroada Miss Alemanha 2022.

Fonte: G1

Imagens: G1, Notícia Preta

Sites da Americanas e do Submarino estão fora do ar há 3 dias

Previous article

Mosca gigante e rara é encontrada no litoral de SP

Next article

Comments

Comments are closed.