Natureza

O deserto do Saara está crescendo!

Saara
0

O continente africano provavelmente vai ser a localização de um dos eventos demográficos mais importantes de todo o século XXI. Atualmente, a população do continente já representa cerca de 17% da população mundial, o que significa que é o segundo continente mais povoado, depois da Ásia.

Contudo, a população da África, especificamente, vem crescendo mais rapidamente do que qualquer outro lugar do mundo. Então, até o final do século XXI, estima-se que a África seja terra natal de quase 40% da população humana! Em comparação, a projeção é de que a Ásia seja terra de 43%.

Por isso, o século XXI vai ser em grande parte definido pelo crescimento da população africana, tudo enquanto o continente enfrenta sérios desafios. Um dos problemas mais notáveis é a desertificação.

Desertificação

A desertificação é caracterizada como a deterioração da terra ao ponto de não ser mais útil para alguns fins, como a agricultura por exemplo. Isso porque os recursos da terra não são ilimitados, eles suportam até certo ponto se a demanda for muito alta. Sobretudo se tratando do século 21, quando a pressão sobre ecossistemas é mais alta ao redor do mundo. Precisamos de comida, combustível, água e mais, não só para sobreviver mas para que as economias não entrem em colapso.

Como a procura por esses recursos aumenta com a população crescente e, considerando os efeitos das mudanças climáticas, lugares ao redor do mundo estão sofrendo com a desertificação. Claro que o termo incita a imagem do Saara, mas é importante lembrar que esse termo vai muito além do deserto de fato.

Lugares secos cobrem cerca de 38% da terra firme e, no caso do continente africano, é possível ver isso na maior parte do norte e do sul. Outros lugares são a maior parte da América do Norte, Austrália, Oriente Médio e da Ásia.

Concentração populacional

O problema é que essas áreas são onde cerca de 2,7 bilhões de pessoas moram. Então, é muito preocupante que a desertificação esteja acontecendo tão rapidamente. O que acontecia em 30 anos está acontecendo em apenas 1 ano! Então, essas regiões correm sério risco na próxima década.

Isso é tão relevante que existe até uma convenção que trata especificamente da desertificação no mundo, composta por mais de 100 países. Agora, voltando para a África, o continente é onde temos o terceiro maior deserto do mundo, atrás do Ártico e da Antártida.

O Saara cobre mais de 9 milhões de quilômetros quadrados, ou seja, é a maior parte do norte da África. Abaixo do deserto, tem o Sahel e a savana do Sudão. 

Expansão do Saara

Saara

Luca Galuzzi

O problema é que a desertificação da região está fazendo o Saara crescer rumo ao sul do continente. Para você ter ideia, nos últimos 100 anos, o deserto já expandiu 10%. O risco é que, se nada for feito a respeito disso, o Saara vai continuar crescendo, se empurrando sobre o centro do continente. Isso afetaria milhões de pessoas, cerca de 340 milhões para ser exato. Isso é toda a população dos Estados Unidos.

Sem terra fértil, essas pessoas entrariam em uma pobreza ainda pior do que Sahel já vive. Isso, na realidade, já vem acontecendo na região. Nas últimas décadas, o povo de Sahel já vem sofrendo com a falta de água e comida, causando crescentes conflitos militares que buscam assegurar esses recursos.

Isso também força a migração para lugares mais prósperos. Corpos de água como o Lago Chad, muito importante para países como Camarões, Nigéria e Níger, já diminuíram substancialmente, impactando seriamente as 30 milhões de pessoas ao redor.

Frente a esse problema sério, já houve a cobrança de muitos líderes. Mas, como já sabemos, seria necessário muito planejamento e, principalmente, investimento, o que a maior parte não disponibiliza. 

O que significa a numeração dos sapatos?

Matéria anterior

Wagyu: a carne japonesa é a mais cara do mundo

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos