Mundo Animal

Qual a possível desvantagem em ser um cachorro super amigável?

0

O cachorro é o melhor amigo do homem. Eles podem fazer companhia para seus donos e até mesmo os ajudar a andar, caso sejam cegos. Além disso, podem servir como método de terapia para alguma doença. Do mesmo modo, também podem alegrar o ambiente em que estão.

Todas as pessoas que dizem ter um cachorro em casa, sempre falam sobre a lealdade do bichinho. Até porque, nada melhor do que chegar em casa após um dia cansativo e se deparar com um cãozinho nos esperando, cheio de felicidade. Justamente essa simpatia do cão pode ter várias implicações para a posição social dele com os outros cães.

Assim, criaram um questionário, que foi projetado para medir os traços de personalidade dos cachorros de companhia e compará-los com sua classificação social junto com outros cães.

Cachorro

AKC

Como resultado, nas famílias que tinham mais de um cachorro, os pesquisadores descobriram que aqueles com uma pontuação alta em amabilidade e afeto eram menos propensos a ter um status dominante no grupo.

Já os cachorros que tiveram uma pontuação alta em outros fatores nos Cinco Grandes Traços de personalidade dos caninos, em específico em extroversão, abertura e consciência, eram mais propensos a serem os dominantes no seu grupo social.

O neuroticismo foi a característica que pareceu não mostrar nenhuma ligação com a dominância na hierarquia entre os cachorros.

“Nosso objetivo era descobrir quais traços podem estar relacionados à formação dessas hierarquias e à classificação dos indivíduos”, explicou uma equipe liderada pela bióloga Kata Vékony, a primeira autora do estudo, da Universidade Eötvös Loránd, na Hungria.

Estudo

Flip board

As descobertas se basearam nas respostas de 615 donos de cachorros do mundo todo. Cada um desses donos tinha, pelo menos, dois cachorros de companhia. Nesse sentido, o estudo também sugeriu que a idade do cachorro estava relacionada com o seu status hierárquico. Ou seja, os cachorros mais velhos normalmente tinham pontuações maiores na dominância.

Os pesquisadores explicam que esse resultado pode se dar, pelo menos em parte, pelo fato de os cães mais velhos nessa análise tenderem a ser menos agradáveis e afetuosos.

Ou seja, os cachorros mais velhos eram mais dominantes, mas ao mesmo tempo também eram menos agradáveis. Com isso, os cachorros que eram agradáveis não eram os dominantes em seu ciclo.

Ademais, na natureza, os animais precisam competir entre eles pelos recursos limitados existentes. Portanto, conseguir chegar no domínio de outros animais em um grupo pode ser uma coisa importante na sobrevivência.

Personalidade

The naked dog

O curioso é que mesmo entre os cachorros de companhia, em um ambiente mais confortável e abastecido de comida, o mesmo sistema de classificação social é visto entre os animais. Entretanto, o cachorro que fica em uma classificação baixa não tem grandes consequências.

“Uma vez estabilizada, a hierarquia pode ajudar no acesso a esses recursos, em favor dos indivíduos dominantes, sem sérios conflitos ou danos. Em grupos de cães de companhia coabitantes, no entanto, a competição por esses recursos é menos prevalente, pois eles são prontamente fornecidos e distribuídos pelo proprietário”, pontuaram os pesquisadores.

Embora essa competição entre os animais domésticos seja uma coisa não tão preocupante, os pesquisadores estão interessados nessas hierarquias entre eles. Tanto que eles os observam há anos.

No entanto, o que eles ainda não entendem tão bem é como essa classificação social é construída na falta dessa competição por recursos. Mas eles sabem o suficiente para entender que os traços de personalidade dos cães são uma parte importante.

“Várias experiências diferentes, muitas das quais não relacionadas a situações competitivas, estão envolvidas no desenvolvimento de traços de personalidade dos cães. As personalidades dos cães da família têm uma relação complexa com a hierarquia do grupo e a classificação individual dos cães. Mais pesquisas são necessárias para descobrir quais relações causais podem existir entre os traços de personalidade e a classificação”, concluiu o etólogo Péter Pongrácz, principal pesquisador do estudo.

Fonte: Science Alert

Imagens: AKC, Flip board, The naked dog 

Qual a origem da maionese?

Matéria anterior

Jonathan: a tartaruga de 190 anos

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos