• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Aldeia abandonada na Turquia parece ter saído de um conto de fadas

POR Jesus Galvão    EM Curiosidades      30/05/19 às 14h31

Ao longe, o complexo habitacional Burj Al Babas poderia ser facilmente confundido com uma maquete de casas em miniatura. Localizado na província de Bolu, na Turquia, o lugar possui mais de 700 moradias individuais, com ornamentação no estilo gótico e muito semelhantes entre si.

Suas torres cinza-azuladas chamam atenção e muito lembram os castelos dos filmes da Disney. Quando o projeto teve início, em 2014, seu desenvolvedor, o Grupo Sarot, esperava que a estética luxuosa atraísse compradores estrangeiros ricos. No entanto, eles não conseguiram obter dinheiro suficiente para finalizá-lo. Agora, centenas de casas abandonadas ocupam espaço na base das montanhas na região noroeste da Turquia.

Este não é um problema exclusivo do país eurasiático. No mundo todo, cidades como Nova York, Las Vegas, Tóquio e Burgos, na Espanha, estão repletas de imóveis abandonados. Porém, nada parece tão sinistro quanto o abandono no complexo turco e que reflete bastante a situação econômica do país.

A moradia dos sonhos

Localizada entre Istambul e Ancara, o conjunto habitacional vazio consiste em centenas de pequenos "castelos" vazios, quase idênticos, em variados estágios de conclusão. As pessoas que o projetaram queriam que essas moradias de luxo fossem um lugar para turistas abastados passarem o verão.

A construção do lugar começou em 2014, porém, quando a empresa faliu em 2018, investidores desistiram do acordo e suspenderam a construção. Até o momento, foram gastos aproximadamente 200 milhões de dólares para sua construção.

Entretanto, ao invés de um grandioso lugar de retiro para milionários, o Burj Al Babas se tornou uma paisagem que parece ter saído de um filme pós-apocalíptico.

O exterior das moradias, em estilo château francês, são decoradas com fachadas ornamentadas. Em seu interior, quartos e cômodos inacabados. Por todos os lados, o abandono se faz presente.

Foram concluídas 587 dos 732 prédios planejados para o Burj Al Babas. Cinemas, instalações esportivas e banhos turcos também seriam construídos no luxuoso "condomínio".

As dificuldades

Inicialmente, cada um dos castelos seria vendido por preços que variavam entre 400 mil e 500 mil dólares. Alguns deles de fato conseguiram ser vendidos. Entretanto, devido ao futuro incerto do projeto, algumas dessas vendas foram canceladas.

O projeto do Burj Al Babas foi fortemente endossado pelo presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdo?an. Isso por acreditar que os empregos gerados pela construção da infraestrutura e a venda dos imóveis beneficiariam a economia do país.

Entretanto, devido ao enfraquecimento da lira turca, as empresas estão enfrentando muitas dificuldades para pagar as dívidas externas acumuladas e financiar grandes projetos de construção como este.

Em 2018, o governo da Turquia adotou medidas para facilitar o processo de imigração. Este movimento espera dobrar os investimentos anuais em propriedades no país. Em relação ao Burj Al Babas, as esperanças parecem não terem sido completamente perdidas.

"Nós só precisamos vender 100 moradias para quitar nossas dívidas", disse Mezher Yerdelen, vice-presidente do Grupo Sarot. "Acredito que podemos superar essa crise em quatro a cinco meses e inaugurar parcialmente o projeto em 2019".

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+