• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Pai em câncer terminal escreveu mais de 800 bilhetes para sua filha

POR Bruno Destéfano    EM Compartilhando coisa boa      07/06/19 às 17h03

A jovem Emma Claire Callaghan, de apenas 14 anos, recebe diariamente pequenas anotações manuscritas de seu pai. Desde quando ela estava na terceira série, Garth faz questão de escrever notas com palavras inspiradoras para que se lembre de sua família durante o almoço no colégio. Entretanto, depois do que descobrira, os manuscritos deixaram de ser apenas um hobby diário. Garth Callaghan foi diagnosticado com câncer terminal e passou seus dias tendo a consciência de que não veria a sua família por muito tempo. Em novembro do ano passado, ele decidiu intensificar os escritos pensando à longo prazo. O pai em câncer terminal escreveu mais de 800 bilhetes para sua filha, com o objetivo de manter a tradição do guardanapo mesmo se ele já não estiver presente em vida.

"Quando fui diagnosticado com câncer pela terceira vez, fiquei preocupado por não poder viver o suficiente para ver Emma se formar no ensino médio. Mas eu queria continuar a tradição da nota de guardanapo. Então eu comecei a escrever todas as notas que Emma precisaria até o período da formatura, apenas para me certificar", Garth publicou em seu perfil do Facebook.

"Algumas pessoas sentem a chuva. Outras apenas ficam molhadas"

Callaghan se comprometeu a escrever 826 notas para Emma - uma para cada dia até a tão esperada graduação no ensino médio. Ele se inspirou em "Because I Said I Would", que é um movimento social "dedicado a melhorar a humanidade através do poder de uma promessa".

Porém, as anotações também são muito importantes para ele por uma razão muito pessoal. "Eu tenho câncer renal metastático e câncer de próstata. Mas nossa história é muito mais do que minha batalha de quatro anos contra o câncer", escreveu em uma postagem no Facebook.

Os guardanapos contêm apenas algumas palavras de encorajamento, no sentido de fazer com que sua filha se conecte com o "momento". Ou seja, Garth quer ter a plena certeza de que Emma esteja diretamente ligada com a sua família até mesmo no período de almoço na escola.

Cada nota é cuidadosamente pensada, dando a Emma o encorajamento necessário para suportar o estresse do dia a dia. São lembranças perfeitas para manter os conselhos do pai interligados à sua própria vida. Nós sabemos que perder um pai nunca será fácil, especialmente para algo tão terrível quanto o câncer. No entanto, essas pequenas anotações certamente farão com que Emma se recorde do quão é amada pelo o seu pai.

Caso clínico

Garth Callaghan fez uma ressonância magnética com boas prospecções futuras. O câncer não cresceu e nem se espalhou por todo o corpo. Mesmo ainda sendo preciso realizar quimioterapias diárias, o processo de recuperação está funcionando. "Existe uma possibilidade distinta de viver pelo resto da minha vida com câncer no meu corpo. Mais uma vez, é melhor que qualquer outra das alternativas!", escreveu.

Ele ainda continua escrevendo as anotações dia após dia e não pretende parar tão cedo. "Temos muitas pessoas maravilhosas caminhando conosco nessa jornada maluca. Muito obrigado por levantar minha família durante este tempo. Nós não poderíamos fazer isso sem vocês".

O pai em câncer terminal escreveu mais de 800 bilhetes para sua filha. Todos são armazenados em uma caixa especial para mantê-los em segurança.

Próxima Matéria
Bruno Destéfano
Escritor, fotógrafo e jornalista // Deixe que o conhecimento te revolucione de dentro para fora.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+