Entretenimento

Supermercado faz entregas com carrinho robô

supermercado
0

No mês de dezembro de 2021, mais precisamente no dia 10, uma rede de supermercados inaugurou um novo método de entregas. A rede Enxuto, que conta com mais de 20 lojas espalhadas por São Paulo, desenvolveu um carrinho robô que entrega sozinho as compras dos moradores do condomínio Okinawa, localizado na cidade de Paulínia. 

As compras são realizadas pelo WhatsApp e o robô deixa todo o pedido na casa do cliente. Com capacidade para carregar até 35 kg, o carrinho atinge até 6 km/h e é guiado por sensores que reconhecem o caminho graças a um mapeamento prévio do condomínio, que tem cerca de 700 casas. O carrinho é monitorado em tempo real pela empresa MyView, que também controla os sensores, preparados para pará-lo caso ocorra alguma obstrução, como animais, pessoas e carros. 

Os pontos do supermercado em condomínios representam 4% do faturamento da empresa e estão em cidades como, Limeira, Piracicaba, Campinas, Cosmópolis e Rio Claro. Além disso, 1.500 pessoas trabalham na rede. O objetivo do projeto é instaurar as entregas por robô em todos os demais condomínios atendidos pela rede de supermercados. 

Rede Enxuto

Um passo para a automação de serviços

O serviço de entrega realizado inteiramente por robôs permite que se pense sobre a possibilidade dessa prática se tornar comum a diversos estabelecimentos em alguns anos. É possível que, ano após ano, os robôs sejam incorporados no dia a dia da população. Mas não precisa se preocupar, já que esse processo não vai acontecer “do dia para a noite” e não vamos nos deparar com máquinas independentes por todo lado, como é possível ver nos filmes. Pelo menos não em um futuro próximo.

Os avanços robóticos e de tecnologia já são significativos, mas não substituem a mão de obra humana. Dessa forma, também não há motivos para se preocupar com a substituição radical do ser humano e, consequentemente, com a escassez de empregos. Apesar de alguns serviços automatizados estarem sendo implementados na sociedade, há uma grande quantidade de pessoas por trás deles, que trabalham para que tudo dê certo.


É o caso dos bancos, por exemplo. Hoje em dia é possível realizar diversos processos através de uma máquina, como o caixa eletrônico. Não é necessário a ajuda de nenhum ser humano para a realização dos serviços mas, por trás do que se vê, há muitas e muitas pessoas responsáveis por concluir as operações. Algumas das funções de um funcionário de banco é abrir envelopes, contar o dinheiro depositado, verificar se está tudo certo com o depósito, entre outras.

Ou seja, embora o processo inicial seja feito de forma simplificada através de uma máquina, existem muitas pessoas envolvidas para que tudo corra bem e que o dinheiro seja depositado ou enviado de uma conta a outra, por exemplo. Dessa mesma forma acontece nos supermercados. Por mais que um “entregador robô” esteja sendo testado para realizar entregas de outros diversos estabelecimentos da mesma rede, muitas pessoas são envolvidas para que o serviço funcione.

Como exemplo disso, é possível citar a empresa responsável por monitorar em tempo real a execução do robô durante a entrega. É necessário que hajam diversas pessoas nessa mesma empresa por conta das análises e aprimoramentos do serviço do carrinho entregador. Sendo assim, fique tranquilo, pois as máquinas não vão tomar nosso lugar (ainda).

As brasileiras que fizeram história no esporte em 2021

Matéria anterior

De onde vem o ouro?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos