Curiosidades

Você pagaria 528 mil reais por essa vaga de estacionamento?

0

Vaga de estacionamento: um dos maiores problemas das grandes metrópoles. Por isso, muitas pessoas preferem pagar por um lugar em um espaço privado para não ficar rodando de carro tentando estacionar em via pública. Porém, em Londres, essa negociação saiu muito cara e mesmo assim teve quem pagasse.

Trata-se da vaga de estacionamento mais cara do mundo, localizada em Knightbridge, bairro de Londres. Basicamente, ela custou 85 mil libras (528 mil reais), e mesmo assim, as condições do espaço são péssimas.

Fonte: Reprodução

Passando aperto!

Para estacionar nesse lugar, o motorista precisa estar com as aulas da autoescola atualizadas. Isso porque o recinto para deixar o carro tem uma largura minúscula. Caso o veículo seja uma camionete, esqueça, pois ela não vai entrar.

Por isso, o dono da vaga colocou uma espécie de forro nas duas paredes que contornam o espaço. Assim, ele consegue tampar as texturas delas, o que deixa o carro intacto diante de iminentes arranhões.

Mesmo assim, ainda é um desconforto enorme deixar um carro nesse ambiente no centro de Londres. Sabe aquela pessoa que abre a porta com toda vontade do mundo? Pois é, aqui ela vai precisar ter cautela, ou melhor, ela nem vai poder sair pela porta.

Fonte: Jimmy Chan

Geralmente, quem para na vaga precisa sair pelo teto solar, item que nem todo carro tem em sua estrutura. Aliás, a pessoa que comprou a vaga com certeza possui um alto poder aquisitivo. Isso porque ela custou mais de meio milhão de reais, o que a faz a vaga de estacionamento mais cara do mundo (e você aí reclamando de pagar 15 reais para deixar o carro no shopping).

Enfim, dadas essas condições, surgem alguns questionamentos sobre os motivos desse espaço ser tão valioso, visto que ele oferece uma experiência horrível ao dono do carro. Nesse sentido, a resposta não está entre as duas paredes muito próximas entre si, e sim, na localização deste recinto.

Knightbridge

Conforme foi dito no começo do texto, a vaga em questão fica no bairro de Knightbridge, bem no centro londrino. Sem dúvida alguma, essa é uma das localidades mais nobres da capital inglesa. Logo, parar um carro nessa região, além de difícil, é um trabalho caro.

Por lá, os moradores possuem acesso próximo e direto ao enorme e esbelto Hyde Park. Além desse enorme parque, várias praças com belas vegetações se misturam com casarões da época em que a Rainha Vitória comandava o Reino Unido (1837 – 1901).

Fonte: Wikimedia

Tudo em Knightbridge é refinado, dos restaurantes às lojas de departamento. Inclusive, é neste bairro que se localiza a famosa Harrods, um comércio de itens de luxo que fica em Londres mas tem respaldo no mundo todo.

Por outro lado, culturalmente a região também tem seus atrativos, o que dá ainda mais valor à vaga. É nessa localidade que se encontra o Victoria e Albert Museum. Este espaço é referência na exposição de arte decorativa e design, possuindo uma coleção que alcança os 4,5 milhões de objetos.

Em síntese, este museu conta 5 mil anos de história da arte, desde os povos mais antigos até a produção artística atual. Tudo lá tem preservação ímpar, das mobílias, passando pelos quadros e indo até as peças de roupas das épocas anteriores à nossa.

Além disso, Knightbridge também abriga a igreja London Oratory. Nesse templo, as pessoas costumam apreciar recitais de órgão enquanto se admiram com as belezas da arquitetura italiana que desenha a igreja.

Por essas e outras, a vaga mais cara do mundo possui o valor que tem. Cá entre nós, ainda continua um absurdo aquele espaço minúsculo valer 528 mil reais, porém cada um faz o que quiser com o próprio dinheiro.

Fonte: UOL.

Elon Musk anuncia lançamento do Starlink para conectar 19 mil escolas e monitorar a Amazônia

Matéria anterior

Mulher vira “onça” ao flagrar traição de marido com amiga

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos