Curiosidades

Bandeiras estranhas e seus símbolos

Bandeiras Sri Lanka
0

Você provavelmente já viu uma boa quantidade de bandeiras na sua vida. As cerimônias de abertura das Olimpíadas são um bom momento para observar os diferentes símbolos nacionais de cada país. Alguns espectadores até se empenham em comentar sobre a beleza – ou a falta dela – de cada bandeira. 

Sabemos que existe todo tipo de bandeira. Sendo assim, temos desde aquelas simples, com praticamente nenhum símbolo desenhado, até aquelas com um leão segurando uma espada ou com uma águia devorando uma cobra. De qualquer forma, a função de uma bandeira é honrar a história e a cultura de um determinado povo.

Assim como o verde da bandeira do Brasil representa a beleza natural e a grandiosidade da Terra, cada detalhe de outra bandeira simboliza coisas diferentes. Bandeiras essas que, à primeira vista, revelam detalhes diferentes e interessantes.

Butão

Butão

Reprodução

A bandeira de Butão é laranja e amarela com um dragão do trovão branco conhecido como um Druk, que é muito importante na mitologia do país. O Druk é totalmente branco, simbolizando pureza. Ele também segura quatro Norbu, uma joia de propriedades mágicas, simbolizando sorte e prosperidade da nação.

As cores do fundo simbolizam as duas forças que vivem no Butão, sendo que o laranja representa a tradição budista e o amarelo representa a autoridade da dinastia regente.

Nepal

Nepal

Reprodução

Já Nepal possui a única bandeira do mundo que não é retangular. Essa bandeira é feita de dois triângulos, simbolizando os picos do Himalaia. Assim sendo, a cor vermelha é do mesmo tom da flor nacional, sendo que o azul ao redor representa a harmonia.

Há também a fala do governo que defende que os triângulos simbolizam o hinduísmo e o budismo, religiões dominantes no país. Já o sol e a lua representam várias coisas, com a lua sendo a tranquilidade da sombra enquanto o sol é o calor de Nepal. Além disso, também pode-se ter a interpretação de que o país quer existir por milênios, como o sol e a lua.

Sri Lanka

Bandeiras Sri Lanka

Reprodução

Sri Lanka possui uma bandeira com um leão que segura uma espada! Isso simboliza a força e a bravura do povo de Sri Lanka. Enquanto a espada simboliza a capacidade da nação de se defender, as cores honram os principais grupos étnicos, sendo que o laranja representa os tamils e o verde, os muçulmanos.

O painel também possui quatro folhas de uma árvore sagrada, o que simboliza a importância do budismo na vida da população, principalmente as virtudes como ser amigável, feliz, harmônico e bondoso.

México

Bandeiras México

Reprodução

Na bandeira do México, existe uma referência ao passado asteca do país. Dessa forma, a história é de que o povo asteca foi ordenado a se assentar quando avistasse uma águia comendo uma cobra enquanto pousava em um cacto. Supostamente, os nômades viram isso onde fundaram Tenochtitlan, que hoje é a Cidade do México.

As cores também carregam significados importantes. O verde representa a esperança na forma de terra fértil. O branco simboliza a religião católica. Já o vermelho simboliza o sangue derramado na independência mexicana.

Camboja

Bandeira Camboja

Reprodução

A bandeira do Camboja tem duas faixas horizontais azuis no topo e embaixo, com uma faixa vermelha correndo pelo meio. No meio, tem-se o templo Angkor Wat, um dos maiores monumentos religiosos do mundo. Incrivelmente, é a única bandeira do mundo que carrega um prédio existente!

Áustria

Austria

Reprodução

A bandeira da Áustria não é muito detalhada, mas o interessante é que ela foi feita inspirada em um tecido manchado de sangue. Sendo assim, é possivelmente uma das bandeiras mais antigas ainda em uso, com duas faixas vermelhas em cima e embaixo. No meio, tem uma faixa branca.

A lenda diz que a bandeira foi inspirada na túnica de Leopoldo quinto depois de uma briga violenta durante a terceira cruzada. Sua camisa branca estava manchada de sangue e, quando ele removeu seu cinto, revelou uma faixa branca. 

Fatos surpreendentes sobre o corpo humano

Matéria anterior

O que aconteceria se não houvesse chuva por 100 anos?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos